Títulos emitidos por instituições financeiras ou pelo governo federal?
21 de agosto de 2017
Bitcoin! Tudo o que você precisa saber
25 de agosto de 2017
Exibir tudo

Como lucrar com a queda da bolsa?

O mercado de ações abrange uma série de possibilidades de investimentos. Tanto o investidor mais conservador quanto o mais agressivo podem ingressar nesse mercado de forma consciente. Além de permitir diversos perfis de acionistas, a bolsa de valores possui oportunidades de ganho a todo instante, seja ela em um cenário de alta quanto de baixa.

Popularmente a forma mais tradicional de lucrar no mercado de ações é através da compra dos papéis. A partir do momento que o investidor compra uma ação, ele se torna acionista daquela empresa e passa a participar da sua valorização e nos lucros de seus dividendos.

Entretanto, quando chegamos a um cenário de queda do mercado como um todo, muitos investidores optam por sair do mercado por um tempo ou manter sua posição aguardando o cenário de melhora. Porém existe uma alternativa para lucrar também nessa situação, operar vendido.

O que significa o termo operar vendido?

O termo operar vendido significa basicamente vender uma ação sem possui-la. O funcionamento dessa operação ocorre de forma semelhante a tomar um empréstimo em um banco. Supondo que você precise de um capital para abrir o seu empreendimento, você vai ao banco para retira-lo e paga uma taxa de juros por esse capital. A expectativa de lucro do seu empreendimento tem de ser maior que a taxa de juros paga pelo empréstimo.

Dessa forma é o funcionamento da operação vendida, o investidor toma emprestadas as ações de outro investidor e o remunera com o BTC (Juros), a expectativa de desvalorização do papel que ele está vendido tem de ser maior que o valor de aluguel pago para se obter lucro na operação. O investidor não possui um prazo para recomprar as ações, já o BTC é cobrado pro rata normalmente uma vez ao mês.

Como funciona a dinâmica da operação?

A dinâmica da operação é a seguinte, o investidor verifica com seu assessor a disponibilidade das ações para aluguel, confirmada a disponibilidade ele realiza uma venda simples das ações que deseja no mercado. Para manter essa operação o investidor precisa de uma margem (capital disponível em conta ou aplicado em algum investimento com liquidez e lastro), essa margem depende de um fator de deságio que cada papel possui, o fator está diretamente relacionado a volatilidade do papel. Para finalizar a operação basta o investidor realizar a recompra no mercado e devolver o aluguel solicitando ao seu assessor.

Operar na queda da bolsa não é nenhum bicho de sete cabeças, mas exige um pouco mais de detalhe e pesquisa, afinal o risco na compra é limitado ao preço do papel, já na operação de venda é ilimitado. Procure um assessor para retirar as suas dúvidas e auxilia-lo em suas operações. Bons negócios!

Formulário de Contato

    NOME COMPLETO
    E-MAIL
    ASSUNTO
    DEIXE SUA MENSAGEM
    ×
    Ajuda? Chat via WhatsApp